Ampelmann – Berlim, Alemanha

O Ampelmannchen ou homem do Semáforo é um dos maiores símbolos de Berlim. É também um símbolo da vida da parte Oriental da cidade e na década de 60 era utilizado nos seus semáforos. Hoje é a figura de uma loja de souvenirs pela mão Markus Heckhausen e onde podes levar um pouco da história de Berlim no regresso a casa. Nós visitámos a que esta em Unter den Linden no mesmo quarteirão do nosso hotel.

The Ampelmannchen or Man of the Traffic Light is one of the biggest symbols of Berlin. It is also a symbol of life in the eastern part of the city and in the 60’s was used at its traffic lights. Today is the figure of a souvenir shop by the hand Markus Heckhausen and where you can take a bit of the history of Berlin when you come back home. We visited the one in Unter den Linden on the same block from our hotel.

Continue reading “Ampelmann – Berlim, Alemanha”

Anúncios

Five Guys – Madrid, Espanha

Há muito tempo que não via filas em restaurantes e nos últimos tempos por Madrid falavam de duas: a dos Cereal Hunters e a dos Five Guys. Nesta última cheguei a passar por elas e se não as tivesse visto não acreditava mas não sei se foi apenas febre do momento, eu fui a um dia de semana á hora do almoço (mas cedo) e estava felizmente vazio. Um outro factor para a fila é que a parte superior que somaria mais mesas não tem ainda a licença para abrir. Detalhes á parte, os hamburguers são muito bons a pesar de ser um ambiente de fast food são superiores aos das cadeias normais mas também mais caros.

For a long time I have not seen queues in restaurants and in recent times through Madrid people talked about two: Cereal Hunters and Five Guys. In this last I got to pass by them and if I had not seen them I did not believe but I do not know if it was just a fever of the moment, I went to a weekday at lunch time (early) and it was happily empty. Another factor for the queue is that the top that would add more tables does not yet have the license to open. Details aside, the hamburgers are very good despite being a fast food environment they are superior to those of the normal chains but also more expensive.

Continue reading “Five Guys – Madrid, Espanha”

Ganaderia La Cuesta – Cudillero, Espanha

Outra das (excelentes) recomendações do nosso hotel foi a de visitar a Quinta do Sr. Amálio, conhecida como la Granja de la Cuesta. Uma excelente maneira de pôr as crianças (habituadas á vida da cidade) em contacto com a vida numa quinta mas das de verdade, com os cheiros (alguns maus) e a sujidade normal de um lugar que não está feito para as visitas mas para o dia a dia do trabalho com os animais. Vacas, galinhas, cavalos, póneis, coelhos e cabras há de tudo um pouco e os mais pequenos adoram lá estar.

Continue reading “Ganaderia La Cuesta – Cudillero, Espanha”

Heladeria Regma – Gijón, Espanha

Sedentos por um gelado fomos caminhando junto ao mar quando vimos do outro lado da estrada a placa de Regma heladería e uma fila fácil de digerir. Espreitámos e decidimos experimentar os seus gelados com uma história desde 1933 e reza a mesma que o nome surge das duas filhas do proprietário, Regina e Margarita. Uma homenagem que ficará para sempre. Os sabores são simples sem grandes inventos: morango, café, baunilha, chocolate, limão, avelã entre outros.

Thirsty for an ice cream we were walking by the sea when we saw across the road the plate of Regma heladería and an easy to digest row. We stumbled and decided to try their ice cream with a story since 1933 and pray the same as the name comes from the two daughters of the owner, Regina and Margarita. A homage that will last forever. The flavors are simple without great inventions: strawberry, coffee, vanilla, chocolate, lemon, hazelnut among others.

Continue reading “Heladeria Regma – Gijón, Espanha”

Aquário de Gijón – Espanha

Passámos os últimos dias das nossas férias de Verão em familia nas Asturias, com três filhos (um de eles bébé) e sem muita vontade de fazer praia matámos a cabeça para organizar actividades interessantes para eles. Inicialmente tínhamos descartado o Aquário de Gijón mas voltámos a incluir uma das principais atracções porque conta com espécies da região o que o torna a sua visita diferente de outros que já tínhamos visitado como o de Lisboa e o de Valência. Está demonstrado que eles gostam sempre ver os tubarões, as lontras e as raias, as tartarugas gigantes e os cardumes de mil peixes de mil cores que por ali se vêm.

We spent the last days of our summer holidays as a family in Asturias, with three children (one of them baby) and without much desire to go to the beach we were stretching our heads to organize activities interesting for them. Initially we had discarded the Aquarium of Gijón but we returned to include one of its main attractions because it counts on species of the region which makes its visit different from others that we had already visited like the one of Lisbon and the one of Valencia. It is shown that they always like to see the sharks, the otters and the rays, the giant turtles and the shoals of a thousand fish of a thousand colors that you can see there.

Continue reading “Aquário de Gijón – Espanha”

Plazuela del Marqués – Gijón, Espanha

O seu anterior nome era Plaza de la Barquera e está entre o que chamam a Cimadevilla e a parte mais moderna da cidade que cresceu rápidamente no século XVIII. O nome actual vem do Marquês de San Esteban que durante o reinado de Felipe V se torna o regente de Gijón e nela podemos ver o seu Palácio com um nome complicado de pronunciar (pelo menos para mim e ainda mais em espanhol), Revillagigedo. Esta encantadora praça com vista para o mar conta ainda com a estátua do Rey Pelayo.

Its former name was Plaza de la Barquera and is between what they call Cimadevilla and the most modern part of the city that grew rapidly in the eighteenth century. The current name comes from the Marquis of San Esteban who during the reign of Felipe V becomes the regent of Gijón and in it we can see his Palace with a complicated name to pronounce (at least for me and even more in Spanish), Revillagigedo. This charming square overlooking the sea also has the statue of King Pelayo.

Continue reading “Plazuela del Marqués – Gijón, Espanha”

Avignon – França

Na nossa primeira road trip a França, Avignon era uma das cidades que sabia que tínhamos que visitar, estava muito interessada em conhecer esse grandioso edificio, o Palácio Papal. Não ficámos na cidade muito tempo, o suficiente para ver os seus principais monumentos e para isso contámos com a ajuda do seu comboio turístico que parte da Place du Palais, depois visitámos o Palácio e terminámos passeando pelas suas ruas até voltar para o nosso carro.

On our first road trip to France, Avignon was one of the towns we knew we had to visit, I was very much interested in seeing that grand building, the Papal Palace. We did not stay in the city long but enough to see its main monuments and we counted on the help of its tourist train from the Place du Palais, then visited the Palace and ended up strolling its streets until we got back to our car.

Continue reading “Avignon – França”