Alexanderplatz – Berlim, Alemanha

Fomos a Berlim na época da Páscoa, a pesar de não ver tantos sinais dela como noutras ciudades alemãs ou de fronteira pensei que as barraquinhas de madeira que vi na Alexanderplatz eram por isso. Ao parecer estão sempre ali pelo menos algumas o que dá um contraste interessante á praça com o seu relógio mundial e edificios modernos á volta, esses pequenos toques do mais tradicional alemão ajuda a complementá-la.

We went to Berlin at Easter time, despite not seeing as many signs of it as in other German cities or frontiers I thought the wooden stands I saw on Alexanderplatz were there for that. Apparently they are there always at least some of them which gives an interesting contrast to the square with its world clock and modern buildings around, these little touches of the more traditional German helps to complement it.

Continue reading “Alexanderplatz – Berlim, Alemanha”

Anúncios

Altes Museum – Berlim, Alemanha

O primeiro dos museus da sua famosa “ilha” está desde 1830 num impressionante edificio neo-clássico junto á Catedral de Berlim. No seu interior uma grande colecção de peças de arte antiga da Etruria, da Grécia e do Imperio Romano. Foi dos mais fácil para entrar, tinha fila mas não tão desesperante como por exemplo a que se encontra no Pergamon.

The first of the museums on its famous “island” has been in an impressive neo-classical building dating from 1830 near the Berlin Cathedral. Inside is a large collection of ancient art pieces from Etruria, Greece and the Roman Empire. It was one of the easiest to get in, it had a queue but not as desperate as for example the one in Pergamon.

Continue reading “Altes Museum – Berlim, Alemanha”

Ampelmann – Berlim, Alemanha

O Ampelmannchen ou homem do Semáforo é um dos maiores símbolos de Berlim. É também um símbolo da vida da parte Oriental da cidade e na década de 60 era utilizado nos seus semáforos. Hoje é a figura de uma loja de souvenirs pela mão Markus Heckhausen e onde podes levar um pouco da história de Berlim no regresso a casa. Nós visitámos a que esta em Unter den Linden no mesmo quarteirão do nosso hotel.

The Ampelmannchen or Man of the Traffic Light is one of the biggest symbols of Berlin. It is also a symbol of life in the eastern part of the city and in the 60’s was used at its traffic lights. Today is the figure of a souvenir shop by the hand Markus Heckhausen and where you can take a bit of the history of Berlin when you come back home. We visited the one in Unter den Linden on the same block from our hotel.

Continue reading “Ampelmann – Berlim, Alemanha”

Museu de Pergamon – Berlim, Alemanha

Foi o último museu que visitámos em Berlim e tivémos apenas meia hora para o fazer, creio que foi a primeira vez que nos aconteceu mas tentámos sacar o máximo proveito da visita. Sabia que não podia deixar a cidade sem visitá-lo, morria de curiosidade de ver esse grandes exemplares da arquitetura da antiguidade como a porta de Ishtar e o Grande Altar de Pergamon que acabámos por não ver porque estava fechado para obras de recuperação.

It was the last museum to visit in Berlin and we had only half an hour to do so, I believe it was the first time that happened to us but we tried to take the most out of the visit. I knew I could not leave town without visiting it, dying of curiosity to see the great examples of ancient architecture as the Ishtar Gate and the Great Altar of Pergamon that we ended up not see why it was closed for restoration work. Continue reading “Museu de Pergamon – Berlim, Alemanha”

Postdamer Platz – Berlim, Alemanha

Tal como tantos outros lugares em Berlim que sofreram na II Guerra Mundial a Potsdamer Platz teve que ser reconstruída mas com a diferença de que pouco se conseguiu recuperar.  Aqui não se procurou replicar a antiga e elegante praça do principio do século XX, o que vemos hoje é a cara mais moderna da cidade tentando ainda assim preservar algo do passado como por exemplo uma parte do muro de Berlim ou a fachada do Hotel Esplanade.

Like so many other places in Berlin who suffered in World War II Potsdamer Platz had to be rebuilt but with the difference that little could recover. Here they did not sought to replicate the ancient and elegant square of the beginning of the twentieth century, what we see today is the modern face of the city trying to still preserve something of the past such as a piece of the Berlin Wall or the facade of the Hotel Esplanade. Continue reading “Postdamer Platz – Berlim, Alemanha”

Fernsehturm – Berlim, Alemanha

Tinha muita vontade de ver Berlim desde o alto da sua torre da televisão, houve sorte com o tempo e foi possível ter uma vista 360º da capital. Construída na década de 60 é um símbolo da antiga RDA de ocupação soviética e o edificio mais alto do país com os seus 368 metros de altura (porque a antena também conta), a plataforma á qual subimos para ver a cidade está a uns 200 metros de altura e vale mesmo a pena ir.

I really wanted to see Berlin from the top of its television tower, we were lucky with the weather and it was possible to have a 360º view of the capital. Built in the 60s is a symbol of the former GDR of Soviet occupation and the tallest building in the country with its 368-meter (because the antenna also counts), the platform which went up to see the city is about 200 meters high and is really worth going. Continue reading “Fernsehturm – Berlim, Alemanha”

Memorial do Holocausto – Berlim, Alemanha

26183491480_764468fda8_b

Se não sabes o que representa podes deixar-te levar pela animação e vida que por ali passa, por parecer um labirinto vês mais brincadeira que outra coisa, jogar ao esconde não era própriamente o objetivo de este Memorial com mais de 2700 túmulos de betão com níveis distintos procuram representar a desorientação dos mais de seis milhões de judeus que foram vítimas do Holocausto.

If you do not know what it stands for you go with the life and vitality that passes by, because it seems like a maze so you see more like a fun place than anything else, playing the hide and seek was not exactly the goal of this Memorial with over 2,700 concrete tombs with different levelsthat wants to represent the disorientation of the six million Jews who were victims of the Holocaust.

Continue reading “Memorial do Holocausto – Berlim, Alemanha”