Museu de Pergamon – Berlim, Alemanha

Foi o último museu que visitámos em Berlim e tivémos apenas meia hora para o fazer, creio que foi a primeira vez que nos aconteceu mas tentámos sacar o máximo proveito da visita. Sabia que não podia deixar a cidade sem visitá-lo, morria de curiosidade de ver esse grandes exemplares da arquitetura da antiguidade como a porta de Ishtar e o Grande Altar de Pergamon que acabámos por não ver porque estava fechado para obras de recuperação.

It was the last museum to visit in Berlin and we had only half an hour to do so, I believe it was the first time that happened to us but we tried to take the most out of the visit. I knew I could not leave town without visiting it, dying of curiosity to see the great examples of ancient architecture as the Ishtar Gate and the Great Altar of Pergamon that we ended up not see why it was closed for restoration work.

26038607674_853dd062c9_b

Começamos a visita pela porta de Ishtar da Babilónia (575 a.C.) dedicada á Deusa com o mesmo nome, é para mim uma das mais monumentais do museu e para além do Grande Altar é um dos seus principais símbolos. Decorada com mosaicos coloridos onde sobressai o azul que contrasta com as figuras de animais aqui representadas. A decoração continua durante um corredor a que chamam procissão. Entramos depois na sala onde encontramos a porta do Mercado de Miletus recuperada da Turquia. Os outros pontos altos da visita foram a Fachada de Mshatta parte de um palácio do califa Al-Walid II recuperada de Aman e a Sala de Aleppo com os seus painéis de madeira decorados. Entendemos então o porquê do museu ser um dos mais movimentados e o que mais fila tinha de todos os que compõem a ilha.

We started to visit the Ishtar Gate of Babylon (575 BC) dedicated to the Goddess of the same name, it is for me one of the most monumental of the museum and besides the Great Altar is one of its main symbols. Decorated with colorful mosaics where the blue color stands out and  contrasts with the animal figures represented here. The decor continues for a corridor they call procession. Then we entered the room where we find the Miletus Market Gate recovered from Turkey. Other highlights of the visit were the Mshatta facade part of a the califa’s Al-Walid II palace recovered from Amman and Aleppo room with its wood paneling decorated. We understand then why the museum is one of the busiest and more queues of all the museums that we can see in the island.

Market Gate of Miletus

Ishtar Gate procession

Sala de Aleppo

Fachada de Mshatta

Website: http://www.smb.museum/en/museums-and-institutions/pergamonmuseum/home.html

Morada: Bodestraße 1-3

Como chegar: Eléctrico M1, Estação de Hackesher Markt

Preços: 12€ por pessoa ou rentabilizar o Museum Card/Berlim card (que foi o que fizémos e a entrada ficou por 2€). Recomenda-se marcar online a hora de visita, as filas são intermináveis para este museu nos dias de maior afluência (fim de semana por exemplo)

+ Guia de Berlim

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s