Cabo de Peñas – Gozón, Espanha

Segundo dia nas Astúrias e saímos do concelho de Cudillero para ir a Gozón visitar o Cabo de Peñas e o seu farol. O ponto mais a Norte do Principado é considerado paisagem protegido (e ainda bem) porque é tal como o Cabo Vidio, algo que merece sem dúvida que se preserve. Aqui não vês praias com areia, só acantilados e rochas que se vão revelando consoante a maré, as vistas são magnificas.

Second day in Asturias and we leave the county of Cudillero to go to Gozón to visit the Cape of Peñas and its lighthouse. The most northern point of the Principality is considered protected landscape (and still good) because it is like the Cabo Vidio, something that undoubtedly deserves to be preserved. Here you do not see beaches with sand, only cliffs and rocks that are revealed according to the tide, the views are magnificent.

Continue reading “Cabo de Peñas – Gozón, Espanha”

Cabo Vidio – Oviñana, Espanha

Uma das primeiras recomendações do nosso hotel foi uma visita ao Cabo Vidio e depois de deixar as malas, vendo que se aproximava a hora do pôr do sol decidimos ir conhecê-lo. Fica na localidade de Oviñana e oferece uma vista fantástica da zona costeira do municipio de Cudillero, foi um dos primeiros momentos da nossa mini-viagem e foi incrível.

One of the first recommendations of our hotel was a visit to Cabo Vidio and after leaving the suitcases in, seeing that it was approaching sunset time we decided to go and discover it. It is in the locality of Oviñana and offers a fantastic view of the coastal area of the municipality of Cudillero, it was one of the first moments of our mini-trip and it was incredible.

Continue reading “Cabo Vidio – Oviñana, Espanha”

Casona de la Paca – El Pitu, Espanha

Descobrimos a Casona de la Paca através de uma web dedicada ás Casonas Asturianas (link), depois de ver tantos outros sites procurando um hotel para os quatro dias que queríamos passar no Verão asturiano. As fotos já me tinham deixado apaixonada e uma vez lá foi difícil voltar para casa, tive talvez o check out mais triste de sempre, quería ficar…para sempre. Sempre dizem que os melhores hoteis te fazem sentir em casa, mas eu aqui senti-me melhor, pode parecer exagero, talvez fosse o momento da viagem depois de uma estadia no Algarve menos agradável. Vou voltar isso está claro.

We discovered the Casona de la Paca through a web dedicated to Casonas Asturianas (link), after seeing so many other sites looking for a hotel for the four days that we wanted to spend in the Asturian summer. The photos had already left me in love and once there it was difficult to return home, I had maybe the saddest check out ever, I wanted to stay … forever. They always say that the best hotels make you feel at home, but here I felt better, it may seem an exaggeration, maybe it was the moment of the trip after a less pleasant stay in the Algarve. I’m going back this is clear.

Continue reading “Casona de la Paca – El Pitu, Espanha”

Cudillero – Astúrias, Espanha

 

Uma das fotos mais famosas da linha costeira das Asturias é sem dúvida a de Cudillero,  uma pequena vila marinheira com muito encanto graças ás suas casas que dão cor a um lugar onde a montanha e o mar se encontram. Guardámos a sua visita para o último dia, andámos pelo seu concelho mas nunca chegámos a põr os pés na sua “capital” até á despedida. Isso obrigou-nos a ir com pressa, as ruas são estreitas e sinuosas, naquela manhã estavam cheias de visitantes e foi impossível parar o carro.

One of the most famous photos of the coastline of Asturias is undoubtedly that of Cudillero, a small seaside village with a lot of charm thanks to its houses that give color to a place where the mountain and the sea meet. We saved this visit for the last day, we walked through the Cudillero county but we never got to put our feet in its “capital” until we said goodbye. This forced us to go in a hurry, the streets are narrow and winding, that morning they were full of visitors and it was impossible to stop the car.

Continue reading “Cudillero – Astúrias, Espanha”

Tasca D’Arrifana – Aljezur, Portugal

Visitámos a Tasca D’Arrifana com amigos e voltámos a repetir no dia em que nos despedimos do Algarve rumo á Comporta. No primeiro dedicámo-nos a partilhar petiscos que íamos escolhendo do grande quadro que estava na sua esplanada. Está num dos pontos mais altos da Arrifana e quando sobes á sua outra esplanada (que a tinham fechada) consegues ter uma boa vista para o mar.

We visited Tasca D’Arrifana with friends and we repeated it the day we said goodbye to  Algarve to leave for Comporta. In the first one we dedicated ourselves to sharing snacks that we were choosing from the large board that was on the terrace. It is in one of the highest points of Arrifana and when you come to their other terrace (which they had  it closed) you can have a good view of the sea.

Continue reading “Tasca D’Arrifana – Aljezur, Portugal”

Praia da Arrifana – Aljezur, Portugal

Capa de revista digna de postal, a Praia da Arrifana vista desde um ponto mais alto é o paraíso na terra, protegida pelas rochas, com uma pequena e pitoresca estrada com casitas brancas é o lugar ideal para passar férias e é um lugar protegido graças a ser considerada uma das melhores para a prática do surf. O acesso dos carros está limitado mas mesmo assim conseguimos ver a Praia com bastante gente.

 

Cover of magazine worthy of postcard, the Arrifana Beach seen from a higher point is paradise on earth, protected by rocks, with a small and picturesque road with white houses is the ideal place to spend holidays and is a protected place thanks to being considered one of the best for surfing. The access of the cars is limited but we still get to see the beach with a lot of people.

Continue reading “Praia da Arrifana – Aljezur, Portugal”

Restaurante Pisa II – Vila Real de Santo António, Portugal

O primeiro contacto com o Pisa II poderia ser visto como um mau presságio, chegámos para jantar um pouco antes das nove e a sala interior estava vazia, é dos poucos restaurantes no centro que não tem o toldo renovado e o atendimento inicial entre o pouco simpático o esquecimento fazia prever algo menos positivo. Mas tudo vale a pena quando a comida é muito boa, aquí têm um choco frito que por 15€ alimenta uma familia de dois adultos e duas crianças, as entradas são óptimas e depois de tudo isto ainda saímos com um sorriso depois de dois dedos de conversa com uma das empregadas que afinal até era bem simpática.

Continue reading “Restaurante Pisa II – Vila Real de Santo António, Portugal”