Toledo #6 – Espanha

24785913679_8161f72d58_b

Entramos na segunda parte do nosso passeio por Toledo, procurávamos a mesquita da Luz de Cristo quando pelo caminho encontrámos a Igreja dos Jesuítas também conhecida por San Ildefonso. O seu interior branco e tranquilo chama a atenção, o seu estilo barroco vem da sua longa construção desde o século XVII ao XVIII e por estar num dos pontos mais altos da cidade tem uma excelente vista panorâmica subindo a uma das suas torre.

We enter the second part of our tour of Toledo, we were looking for the mosque of the Light of Christ (Mesquita da Luz de Cristo) when we found the Jesuit Church also known as San Ildefonso. Its white and quiet interior draws attention, its Baroque style comes from its long construction from the seventeenth century to the eighteenth and for being one of the highest points of the city has an excellent panoramic view going up to one of its towers.

Continue reading “Toledo #6 – Espanha”

Toledo #5 – Espanha

24860198870_9aac012c1f_b

Quase todos os anos fazemos um passeio a Toledo, como vamos pouco tempo conseguimos ver sempre algo novo de cada vez, pelo menos novo para nós. Outrora a capital do império espanhol mantém os seus encantos e as suas misturas arquitetónicas entre o medieval e a mudéjar. O passeio começou junto ao Alcázar onde estacionámos o carro e entrámos na teia de ruas estreitas que caracterizam a cidade até chegar á Catedral.

Almost every year we take stroll in Toledo, as we go on short trips we can always see something new each time, at least new to us. Once the capital of the Spanish empire retains its charms and its architectural mixtures between the medieval and Mudejar. The tour started with the Alcázar where we parked the car and we went into the web of narrow streets that characterize the city to get you Cathedral. Continue reading “Toledo #5 – Espanha”

La Malquerida – Toledo, Espanha

24780450359_f1d23e56f5_b

Fomos passar um dia a Toledo em familia e procurámos um restaurante para almoçar. A cidade é a Capital Espanhola da Gastronomia este ano e na realidade sempre o será dizem que daqui saem alguns dos melhores cozinheiros do país no entanto queríamos algo com um toque mais caseiro, com ambiente mais acolhedor trocando as toalhas de linho branco pelas de papel e procurando os pratos típicos de Toledo a um preço mais acessível. Foi assim que encontrámos o La Malquerida na rua da Trinidad.

We spend a day in Toledo family and looked for a restaurant to have lunch. The city is the  Spanish capital of Gastronomy this year and in fact always it will always be so from here come some of the best cooks in the country but we wanted something with a more homely touch, with a more welcoming environment by changing the white linen for paper  makers and looking for the typical dishes from Toledo at a more affordable price. That was how we found La Malquerida the street Trinidad.

Continue reading “La Malquerida – Toledo, Espanha”

Castelo de Belmonte – Espanha

Com o Verão já no passado começa a temporada de: conquistar Castelos. Uma animada actividade que fazemos como desculpa para tirar as crianças de casa ao fim de semana e cumpre também um objectivo cultural de conhecer um pouco da história de Espanha e neste caso, um pouco da de Portugal também. Tinha dois castelos no plano decidimos ir este Sábado a um que estava mais longe de Madrid, o de Belmonte.

With summer already in the past season begins: to conquer Castles. A lively activity we do as an excuse to take the kids out of the house in the weekend and also fulfills a cultural purpose of learning about the history of Spain and in this case, a bit of Portugal also. Had two castles on the plane this Saturday we decided to go to one that was further away from Madrid, the Belmonte.

Continue reading “Castelo de Belmonte – Espanha”

PLAZA DE ZOCODOVER – TOLEDO, ESPANHA

Em todas as visitas que fiz a Toledo passei sempre pela Plaza de Zocodover, ou para me perder nas ruelas da cidade, ou para comprar os famosos doces de maçapão da Santo Tomé ou para passar por baixo do arco do seu mais emblemático edificio, cumprimentar Cervantes e comer uma bomba toledana.
O seu nome vem do árabe e está relacionado com o mercado que se realizava nesta praça no tempo dos mouros, hoje é um dos seus principais pontos de encontro com lojas e cafés.
In all the visits I made to Toledo where I always passed through the Plaza de Zocodover, either to get lost in the alleys of the city, or to buy the famous candy marzipan Santo Tomé or pass beneath the arch of its most important building, greet Cervantes and eat a “bomba toledana”. 
Its name comes from the Arabic and is related to the market that it was in this square in the time of the Moors, is today one of its main points of encounter with shops and cafes.

Continue reading “PLAZA DE ZOCODOVER – TOLEDO, ESPANHA”

Siguenza #1 – Espanha

Para conhecer o centro histórico de Siguenza, deixámos o carro numa zona ao lado do seu Castelo. Este foi por isso o primeiro monumento que vimos, pelo menos por fora porque é um “parador” (pousada) e fiquei na dúvida se nos deixariam entrar para fotografar ou não (só depois vi num site que sim que a entrada era livre).
Acabei por só conhecer o seu exterior que estava em bom estado de conservação mas creio que também foi alvo de várias reformas ao longo dos anos, sendo que a maior deve ter sido sem dúvida para receber a unidade hoteleira que hoje está instalada no seu interior.

Continue reading “Siguenza #1 – Espanha”

MIRADOURO DA PEREGRINA, SIGUENZA, ESPANHA

Ás vezes os GPS pregam-nos algumas partidas, umas boas outras más. Neste caso foi uma boa, pedimos o caminho mais rápido entre Guadalajara e Siguenza, começamos a subir uma serra e vemos placas que nos dizem 2,7km de curvas perigosas. Já não podíamos voltar para trás e prosseguimos.

Depois de várias curvas realmente complicadas começamos a ver a beleza da serra e das suas escarpas. Não nos tínhamos apercebido ainda que estávamos na Serra da Ministra inserida no Sistema Ibérico.

Paramos no Miradouro da Penegrina e a vista era impressionante.

Segundo as placas estávamos a olhar para o Parque Natural do Barranco do Rio Dulce, que se estende de Aragosa até Siguenza e é excelente para a prática de trekking/senderismo que vemos que se faz bastante.

Vemos uma impressionante queda de água ao fundo e ficou a vontade de um dia regressar com o equipamento necessário para explorar melhor a zona.

Voltámos á estrada rumo a Siguenza, fica apontado que temos que voltar a esta região e visitar também a Peregrina, o seu castelo e entorno natural.