sleep: CASAS REAIS – SANTIAGO DE COMPOSTELA, ESPANHA

 
Devo admitir que marquei este hotel em Santiago de Compostela como quem faz uma compra por impulso. Pesquisei no booking.com vários preços e a única condição que tinha era que ficasse no centro histórico, quando me apareceu o Casas Reais e vi fotos dos quartos marquei logo mesmo sabendo que não era a opção mais barata.
 
I must admit that I booked this hotel in Santiago de Compostela as who makes an impulse purchase. Researched various prices on booking.com and the only condition was that we had to stay in the historic center, when saw the Casas Reais (Royal Houses) bedroom potos I dediced to book it even though it was not the cheapest option.

 
Fica na Rua das Casas Reais, local onde existiam casas que pertenciam ao Rei e assim surge também o nome do hotel. Ao chegar uma pequena decepção, o nosso quarto parecía ser dos mais pequenos e nem era o mais bonito dos que tinha visto antes. Lição aprendida. Fomos apenas uma noite e claro  não nos podiam dar o melhor quarto o que significa que pagámos o mesmo que outros que tiveram um alojamento melhor.
Uma das coisas que mais gostei do quarto foi a pequena varanda, se tivéssemos mais tempo seria sem dúvida um bom lugar para sentar e ler um livro.
 
It is located at the Casas Reais street, where there were the houses that belonged to the King and thus arises also the name of the hotel. Arriving  we were a little disappointed that our room seemed to be the smallest and neither was the most beautiful of the ones we had seen before. Lesson learned. We only had one night and of course they could not give us the best room which means we paid the same as others who had a better accommodation.
One of the things I liked most of the room was a small balcony, if we had more time it would undoubtedly be a good place to sit and read a book.
 
Funciona como um boutique hotel e tem apenas onze quartos. Pelo nosso paguei 79€ (noutras épocas vi preços abaixo dos 70€), ali perto há um estacionamento que tem convénio com eles e pagámos mais 9€ quando a diária seriam uns 12€.
O pequeno-almoço estava incluído e servido no café que fica por baixo dos quartos onde também se pode petiscar.
A sua localização é excelente, Santiago não é muito grande e andámos sempre a pé. Fica junto á Porta do Caminho por onde muitos peregrinos vindos de França entravam para chegar á Catedral.
 
It’s a boutique hotel and has only eleven rooms. For ours we paid € 79 (in another time I saw prices below € 70), there is a nearby parking lot that has an agreement with them and we paid over 9€ per day when it would be about 12.
The breakfast was included and served in the cafe that sits beneath the rooms where you can also have a snack or some “tapas”.
Its location is excellent, Santiago is not very big and we walked everywhere. It is next to Puerta del Camino (Path Door) where many pilgrims came from France to get to the Cathedral.
 

 
 

Website: http://www.casasreais.es/index.HTML

Mais/More about:

 


 

do: CONVENTO DE SÃO FRANCISCO – PONTEVEDRA, ESPANHA

As placas indicam-te que está na presença do Convento mas na realidade o que podes visitar é Igreja, que foi o que sobreviveu. Está na mais importante praça de Pontevedra, a da Ferreria e ao subir os seus degraus podemos temos uma excelente vista sobre a mesma assim como o seu jardim e a fonte com o mesmo nome.
Há quem diga que foi o próprio S. Francisco de Assis que o terá fundado outros dizem que já existia quando este passou por Pontevedra a caminho de Santiago de Compostela.
The sign indicate that you are in the presence of the convent but in reality what you can visit is the Church, which is what survived. It’s located in the most important square of Pontevedra, in the Ferreria and when you climb its steps you have a great view of the same as well as it’s garden and the fountain with the same name.
Some say that it was the S. Francis of Asis founded others will say that it already existed when he went through Pontevedra on his way to Santiago de Compostela.

A primeira construção é do século XIII, contém dez capelas e junto ao altar estão os túmulos de dois casais dos quais um pertence a Paio Gómez Charino, um nobre galego que foi figura importante na reconquista de Sevilha aos mouros e um conhecido trovador.
A primeira capela que vemos fica á direita da entrada e é a do Santo Niño.
The first construction is from the thirteenth century, it contains ten chapels and close to the altar are the tombs of two couples of which one belongs to Palo Charino Gómez, a Galician nobleman who was an important figure in the reconquest of Seville from the Moors and a known troubadour.
The first chapel we see is is at the right of the entrance and is the Santo Niño.

>>> Capela de Jesús Nazareno
Jesus of Nazareth Chapel
>>> Capela das Almas do Purgatório (Ánimas del Purgatório)
Chapel of the Souls of the Purgatory
>>> Vista para a Praça da Ferreria, com o Jardim e a Fonte da Ferreria.
Overlooking the Square Ferreria, with the Garden and the Fountain of Ferreria.
A entrada é gratuita. Free admission.
Mais sobre/More about:

Hotel Rias Bajas – Pontevedra, Espanha

8349278187_5de9f7beef_b
Para ficar em Pontevedra escolhemos através do Booking este hotel: Rias Bajas. Como sempre marcámos á última da hora e não sobravam opções centrais mais económicas que esta. Fica mesmo á entrada do centro histórico de Pontevedra numa zona comercial por isso a nossa escolha foi no alvo.
To stay in in Pontevedra we chose this hotel through Booking: Rias Bajas. As always we booked it last minute and with no more centric and economic options left. It is right at the entrance of the historic center of Pontevedra in a commercial district so our choice was spot on.
Continue reading “Hotel Rias Bajas – Pontevedra, Espanha”

Loaira – Pontevedra, Espanha

8341780716_dd330c19a9_b
Depois de ler um artigo sobre a oferta de tapas em Pontevedra na revista espanhola DeViajes tínhamos claro que queríamos comer na Plaza de la Leña ou muito perto. Tínhamos algumas referências mas todos estavam muito cheios e assim viémos dar ao Loaira. O espaço é simpático, pequeno e com uma sala no piso superior para além do mesas fora em plena praça.
After reading an article about “tapas” in Pontevedra in a Spanish magazine called DeViajes we had it clear that we wanted to eat at the Plaza de la Leña or very close. We had some references but all were very full and so we come to the Loaira. The space is nice, small and with a room upstairs in addition to the tables outside in the middle of the square.

Continue reading “Loaira – Pontevedra, Espanha”

Plaza de la Leña – Pontevedra, Espanha

8341764722_86e05b589c_b
Aparece sempre em todos os guias ou artigos de revista sobre Pontevedra e quando chegas percebes porquê. É pequena e durante o dia parece uma típica praça de aldeia pequena que acaba por encaixar bem no espírito do casco antigo da cidade.

Onde antigamente estava um mercado de lenha hoje estão casas em granito de estilo medieval bem conservadas e por baixo das suas pequenas arcadas estão restaurantes e bares que oferecem o melhor da gastronomia da região. Pequena mas relevante, mais tranquila pela manhã vai animando ao longo do dia com as suas pequenas esplanadas e á noite torna-se ainda mais acolhedora.

It always appears on all the travel guides or magazine articles about Pontevedra and when you arrive you understand why. It is small and during the day looks like a typical small village square which ultimately fits well in the spirit of the old part of town.
Where once was a market for firewood today there are the granite houses of medieval style well preserved and beneath its arches are small restaurants and bars offering the best food in the region. Small but significant, quieter in the morning but it grows throughout the day with it’s small terraces and at night becomes even more welcoming.

Continue reading “Plaza de la Leña – Pontevedra, Espanha”

do: PLAYA DE LAS CATEDRALES – RIBADEO, ESPANHA

Estávamos na autoestrada Cantábrica (A8) a fazer o caminho entre Santiago de Compostela e Oviedo quando saímos quando vimos a placa que indicava: “Playa de las Catedrales”. Um dos locais que nos tinham recomendado visitar e que mesmo curtos de tempo conseguimos passar por lá.
Acabámos por não descer mas do seu miradouro percebemos porque é que lhe chamam Praia das Catedrais uma vez que o seu verdadeiro nome é Praia das Águas Santas.
 
We were in the Cantabrian motorway (A8) to make the road on our way to Oviedo coming from Santiago de Compostela when we took an exit as soon as we saw a sign that said: Playa de las Catedrales.” One of the places that was recommended and even short on time we were able go there.
We didn’t go down but its viewpoint realize why they call it the Beach Cathedrals since his real name is Praia das Águas Santas.


As grandes rochas formam arcos que fazem lembrar os das Catedrais medievais e tivémos muita sorte em ter chegado com a maré vazia caso contrário não seria possível vê-los.
Junto á praia está também uma zona de merendas e tem um bom parque de estacionamento.
Para melhor disfrutar desta praia o ideal é mesmo pôr o pé na areia coisa que infelizmente não tivémos tempo de fazer.
 
The big rocks form archs that remind you of those in the medieval Cathedrals and we were lucky to have arrived with a low tide otherwise we couldn’t see them.
Close to the beach there is also a picnic area and a good parking area.
The best way to enjoy this beach is to put your foot in the sand something that unfortunately we didn’t have time to do it.