Cala Belladona – Platja D’Aro, Espanha

9621607719_ab419209e0_b
O que mais gosto da Costa Brava é á sensação que te dá encontrar as Calas (pequenas praias) de água cristalina. Platja D’Aro é uma zona com bastante turismo mas que te permite ao mesmo tempo encontrar sitios como a Cala de Belladona que estando escondida pelas rochas e arvoredo não deixa de ser conhecida.
Na realidade quase a perdíamos porque quando espreitei a primeira vez não me pareceu haver Praia, só descendo um pouco mais percebi que si e foram muitos os degraus até pôr o pé na areia.
What I like most in Costa Brava is the feel that gives you finding the Calas (small beaches) of crystalline water. Platja D’Aro is an area with plenty of tourism but at the same time lets you find places like Cala de Belladona that although hidden by rocks and trees it is still known.
In fact we almost lost it because when I peeked the first time there seemed  to be no beach, I went down a little more and realized that it existed and we went down many steps to set foot on the sand.

Continue reading “Cala Belladona – Platja D’Aro, Espanha”

Anúncios

Restaurante Royal – Tamariu, Espanha

Depois dos mergulhos, das brincadeiras na areia e dos banhos do sol, o estômago começou a pedir comida e há uma meia-dúzia de restaurantes no Passeig Mar colado á praia de Tamariu. Nós escolhemos o Royal, na realidade todos tinham bastante gente e tinham uma ementa similar era uma questão de descubrir a especialidade de cada um.
After the diving, the playing in the sand and sun bathing, the stomach began to beg for food and there are a half-dozen restaurants on Passeig Mar glued to the Tamariu beach. We chose the Royal, in reality all had a lot of people and had a similar menú it was a matter of discover the specialty of each.

Praia de Tamariu, Espanha

Cadaqués, Palafrugell, Sa Conca, Tamariu entre tantas outras praias deram-me vontade de fazer umas férias diferentes como fizémos na Grécia onde alugámos uma mota e fomos explorando cada Praia da ilha de Mykonos. A Costa Brava está cheia de praias que não ficam em nada atrás desta famosa ilha grega, uma delas é a da baía de Tamariu com a sua água cristalina.

Cadaqués, Palafrugell, Sa Conca, Tamariu among many other beaches made me want to do a different type of holidays like the ones we had in Greece where we rented a motorbike and went exploring every beach on the island of Mykonos. The Costa Brava is full of beaches that are not at all behind the ones in this famous Greek island, one of them is the bay of Tamariu with its crystal clear water.

Continue reading “Praia de Tamariu, Espanha”

Cadaqués – Costa Brava, Espanha

Um dia nublado e a prometer chuva impediu-nos de estender a toalha na praia mas libertou a “agenda” para um passeio. A viagem durou uma hora e meia desde Platja D’Aro, valeu cada minuto e quilómetro porque é outro daqueles lugares que parou no tempo, sem a epidemia da grande construção á volta de uma praia, com todas as casas pintadas de branco entre o verde da serra e o azul do mar.
An cloudy with a promise to rain day prevented us from putting our towel on the beach but released the “agenda” for a short trip. It lasted an hour and a half from Platja D’Aro, it was worth every minute and kilometer because it is another one of those places that stopped in time without the epidemic of major construction around a beach, with all the houses painted in white between the green hills and the blue sea.

Cada colina, cada contorno de cada piedra podía haber sido dibujado por Leonardo DaVinci“, assim a descreve Salvador Dalí. Cadaqués era um dos seus lugares preferidos e junto á Praia está uma estátua em sua homenagem.
Entendo perfeitamente porque se apaixonou, as suas ruas estreitas, as suas lojas de artesanato, as suas esplanadas, a água transparente, é sem dúvida um lugar para recarregar a bateria da inspiração.
Andámos a pé seguindo a linha do mar em direcção ao pequeno centro de Cadaqués, pelo caminho vimos a Casa Blava (ou Casal Azul – que está na foto superior) uma das que foi construída por emigrantes que regressaram de Cuba. Destaca-se pelas portas e janelas ornamentadas.
Ficámos para almoçar. Não creio que fizémos a melhor escolha de restaurante mas fomos movidos pela fome. Não comemos mal mas para o que pagámos também não comemos por aí além. Foi no Nordest e pedimos ameijoas, camarão “al ajillo” e carpaccio de bacalhau que foi o prato que salvou o dia porque estava muito bom. As ameijoas deram-me vontade de entrar na cozinha e fazê-las á minha maneira porque teriam ficado sem dúvida mais saborosas. Não saímos impressionados com o restaurante saímos sim deslumbrados com Cadaqués e com vontade de voltar.
“Every hill, every contour of each stone could have been painted by Leonardo DaVinci,” thus describes Salvador Dalí. Cadaqués was one of his favorite places and near the beach is a statue in his honor.
I completely understand why he fell in love, its narrow streets, its craft shops, its terraces, its transparent water, is definitely a place to recharge the battery of inspiration.
We went walking along the line of the sea towards the small center of Cadaqués, on the way we saw the Casa Blava (or Double Blue – who is in the photo above) one of which was built by immigrants who returned from Cuba. Stands out for it’s ornated doors and windows.
We stayed for lunch. I do not think we made the best choice of restaurant but we were driven by hunger. We didn’t eat that bad but for what we paid we deserved better. It was in the Nordest and we ordered clams, shrimp “al ajillo” and carpaccio of cod that was the dish that saved the day because it was very good. The clams had me wishing to go into the kitchen and make them in my own way because they would have been without doubt the tastiest. We left unimpressed with the restaurant but dazzled by Cadaques and wishing to return.

 

 

 

 

 

Our guide of:

Calella de Palafrugell, Espanha

Quando visitámos pela segunda vez Calella de Palafrugell ficámos a pensar que este seria um bom sitio para passar férias longe da agitação que tem Platja D’Aro com as suas animadas ruas de bares e restaurantes. Só teria um senão mas que acaba por ser o motivo porque é tão tranquilo, a sua menor variedade na oferta hoteleira.
Calella continua a preservar a sua identidade pesqueira, resistente ao turismo dos grandes hóteis que inundam as praias de gente.
When we visited for the second time Calella de Palafrugell we were thinking that this would be a good place to spend a holiday away from the hustle that is Platja D’Aro with its lively streets of bars and restaurants.  It only had one catch but it turns out to be the reason why it is so quiet, its less variety in hotel offers.
Calella continues to preserve its identity of a fishing village, resistant to the major tourist hotels that flood the beaches of people.

La Vela – Palafrugell, Espanha

Depois de uma produtiva manhã (e inicio de tarde) na praia, o nosso corpo já pedia comida e começámos a andar pelo centro de Calella á procura de um restaurante que nos agradasse. Alguns tinham menus do dia, encontrámos um com tapas mas pouco relacionadas com o mar e não sei como optámos por ficar no La Vela, sei que uma das coisas que pesou na nossa decisão foi o facto de ir com crianças e ter que garantir que havia algo na carta que pudessem comer.
After a productive morning (and early afternoon) on the beach, our body was asking for food and we started walking through the center of Calella looking for a restaurant that we liked. Some had menus of the day, we found one with tapas but little related to the sea and I can’t explain why we chose to stay at La Vela, I know one of the things that weighed in our decision was the fact that we were with our children and had to ensure that there something in the menu that they could eat.

Continue reading “La Vela – Palafrugell, Espanha”

Praia de Canadell – Palafrugell, Espanha

Há dois anos atrás quando estivémos na Costa Brava pela primeira vez viémos a Calella de Palafruguell, fizémos praia mas o céu estava coberto de nuvens e optámos por dar um passeio. Foi assim que descobrimos a praia de Canadell e nessa altura ficámos com pena de o tempo não convidar a dar um mergulho. Este ano decidimos que tínhamos que ir e fizémos umas boas horas de praia aí.
Two years ago when we were for the first time in Costa Brava we went to Calella de Palafruguell, we went to the beach but the sky was covered with clouds and we decided to take a walk. That’s how we discovered the Canadell beach and regreted the uninviting weather that did not allow us to take a dip. This year we decided we had to go and had a few good hours of beach there.