Olimar – Manta Rota, Portugal

Não há glamour neste bar colado á praia, tem aquele ar de restaurante de toda a vida onde os teus pais sempre iam quando passavam férias na Manta Rota e tratam os empregados pelo nome. Nós ainda não temos esse histórico mas foi onde mais comemos sem dúvida porque para além de ter boa comida era dos mais acessíveis na escassa oferta que há de restaurantes junto á Praia da Lota.

There is no glamor in this bar glued to the beach, has that air of restaurant of a lifetime where your parents always went when they vacationed in Manta Rota and treat employees by their names. We do not yet have this history but it was where we had lunch most of the times, no doubt because in addition to having good food was the most affordable in scarce variety of restaurants next to the Lota beach. Continue a ler “Olimar – Manta Rota, Portugal”

Praia da Lota – Manta Rota, Portugal

Estão quase a chegar as nossas férias de Verão e este ano vamos repetir esta praia na zona da Manta Rota. Foi escolhida pela sua proximidade ao nosso hotel e quando fomos – em Julho – conseguimos sempre ter muito espaço para as toalhas, chapéus e brincadeiras com as crianças. Tem uma zona de toldos que não chegámos a utilizar porque ficava mais longe do nosso acesso que se fazia por um passeio de madeira.

Our summer holidays are around the corner and this year we will repeat this beach on the Manta Rota area. It was chosen for its proximity to our hotel and when we went – in July – you could always have plenty of space for towels, umbrellas and playing with children. It has an area of shade that we did not use because it was further away from our access which was done by a wooden path. Continue a ler “Praia da Lota – Manta Rota, Portugal”

Graça – Lisboa, Portugal

25288822413_1feae81a07_b

A Graça (atual freguesia de S. Vicente) é um dos bairros mais emblemáticos de Lisboa e não sei porquê é dos que menos conheço, o ocasional concerto na Voz do Operário ou de passagem para outro bairro e pouco mais.  Até ao dia em que decidimos ir ao Miradouro da Senhora do Monte, aproveitar a vista sobre Lisboa para além do sol que decidiu espreitar depois de uma hora de chuva. Abençoado com uma marcha cantada por Amália, com uma forte ligação á rádio e ao cinema continua um bairro colorido cheio de vida principalmente com a chegada de muitos turistas á cidade nesta semana santa.

Grace (current parish of St. Vincent) is one of the most iconic neighborhoods of Lisbon and do not know why is the  one I less know, the occasional concert at the Voz do Operário or move to another neighborhood and not much else. Until the day that we decided to go to Senhora do Monte belvedere, enjoy the view over Lisbon besides the sun peeking decided after an hour of rain. Blessed with a march sung by Amalia, with a strong connection to the radio and the cinema remains a colorful neighborhood full of life especially with the arrival of many tourists to the city in this holy week.

Continue a ler “Graça – Lisboa, Portugal”

Vicente by Carnalentana – Lisboa, Portugal

 

Descubrimos o Vicente através de uns amigos e saímos bastante contentes com a experiência, pelo espaço e pela comida. As suas rústicas paredes de pedra, o ambiente romântico criado pela meia luz, as duas zonas diferentes uma delas com sofás só por isto já estávamos convencidos. Mas o melhor é a comida, feita para partilhar como gostamos com pratos da cozinha portuguesa que se encontram com outros como os ovos rotos por exemplo, um clássico espanhol.

We discovered Vicente through some friends and we left very happy with the experience, the space and the food. Its rustic stone walls, the romantic atmosphere created by the warm light, the two different areas one with sofas just for this we were already convinced. But the best is the food, made to share as we like with Portuguese dishes that meet others like “ovos rotos” (fried eggs with fries and ham) for example, a Spanish classic. Continue a ler “Vicente by Carnalentana – Lisboa, Portugal”

Pequeno-almoço na Confeitaria da Guia – Cascais, Portugal

Domingo de manhã quase a ponto de regressar a Espanha e depois de uma noite com uma boa carga água saiu o sol mais forte que nunca dando um bom motivo para um pequeno-almoço com vista para o mar. Esse é um dos privilégios de o fazer na Confeitaria que era igualmente o único sitio aberto ás dez da manhã na zona da Casa da Guia.

Sunday morning almost ready to return to Spain and after a night with a good load water came out the strongest sun never giving a good reason for a breakfast overlooking the sea. This is one of the privileges to do in Confectionery which was also the only place open at ten in the morning in the area of the Casa da Guia.

Continue a ler “Pequeno-almoço na Confeitaria da Guia – Cascais, Portugal”

Bifanas de Vendas Novas – Portugal

São já muitos o quilómetros contabilizados nas nossas viagens entre Madrid – Lisboa (e volta) em todos eles passamos por Vendas Novas e só hoje ao final de cinco anos parámos para comer as suas famosas bifanas.  Recomendaram-nos o Café Boavista na Rua com o mesmo nome (na estrada nacional) e quase todos reclamam ter as originais mas estas estavam muito boas com o seu bife tenrinho, o seu sabor a vinha d’alho e o pão torrado.

There are already many kilometers recorded in our travels between Madrid – Lisbon (and back) in all of them we went through Vendas Novas and only now at the end of five years we stopped to eat their famous pork fillet sandwich. Boavista Café was recommend to us on a street with the same name (the national road) and almost all claim to have the original but these were very good with its tender steak, taste  of the wine and garlic sauce plus the toasted bread.

Continue a ler “Bifanas de Vendas Novas – Portugal”

PENHA GARCIA – PORTUGAL

Instalados nas Termas de Monfortinho decidimos aproveitar o fresquinho da manhã para dar um passeio com os miúdos em Penha Garcia, uma pequena aldeia que tínhamos visto quando fomos jantar a Monsanto. Que saudades tinha de este tipo de passeios que fazíamos quando vivíamos em Portugal, passar por estas aldeias onde o tempo não as faz mudar, com essas casinhas de pedra e portas de madeira coloridas entregues ao abandono. Faz ter pena mas tem o seu encanto.
 
Installed in Monfortinho we decided to enjoy the fresh air of the morning to take a walk with the kids in Penha Garcia, a small village we had seen when we were dining Monsanto. I missed this kind of tours we did when we lived in Portugal, go through these villages where time does not make them change with these stone houses and colorful wooden abandoned doors . Makes you feel sorry but has its charm.

Dizem que o Castelo pode ser da época de D. Sancho I e pela sua proximidade com a fronteira espanhola podemos entender a sua importância. Dele temos uma fantástica vista sobre a região, creio que conseguimos ver Monsanto e a barragem, tudo isto numa zona rochosa que faz parte da rota dos fósseis que pertence ao Geoparque da Naturtejo. Para chegar ao topo de Penha Garcia deixamo-nos perder pelas suas ruas com encanto que me lembram os Verões de visita a aldeia do meu pai, passamos pela igreja matriz, pelo forno comunitário e pela lojinha de artesanato onde compramos algo para ajudar a micro-economia da aldeia.
 
They say that the castle may be from the time of D. Sancho I and from its proximity to the Spanish border we can understand its importance. Has a fantastic view of the region, I believe we can see Monsanto and the dam, all in a rocky area which is part of the route of fossils belonging to the Geopark Geopark. To reach the top of Penha Garcia we let ourselves get lost in the streets with charm that remind me of the summers visiting my father’s village, passed the parish church, the community oven and the handicraft shop where we bought something to help micro- the village economy.