Visita ao Alcázar – Segóvia, Espanha

25457819160_1faaa3d582_b

O Alcázar de Segóvia é um dos monumentos mais famosos de Espanha, capa de guias e inspiração para os castelos de princesas da Disney. Construído durante as Reconquistas no reinado de D. Afonso VI de Leão sob construções romanas, foi ampliado desde os reinados de Afonso X e Filipe II até se transformar no reinado de Carlos III numa Academia Militar e segundo o guia as suas paredes até ao mínimo detalhe são suficientes para contar a sua história.

Continue a ler “Visita ao Alcázar – Segóvia, Espanha”

El Secreto de San Clemente – Segóvia, Espanha

25732425166_809e170ab5_b

Sempre que venho a Segóvia acabo por ir comer a um restaurante de Cochinillo, já fui ao José Maria, ao Cándido e á Casa Duque e desta vez queria experimentar algo diferente, uma outra cara do panorama gastronómico da cidade e por isso escolhi o El Secreto de San Clemente. Estava com boas notas no TripAdvisor e é um bom restaurante ainda que achei um pouco caro para o que comemos, gostei também da decoração que se afasta dos restaurantes mais tradicionais de Segóvia.

Continue a ler “El Secreto de San Clemente – Segóvia, Espanha”

eat: LA PORTADA DEL MEDIODIA – TORRECABALLEROS, ESPANHA

Os planos de este fim de semana incluiam um almoço com amigos em Torrecaballeros no restaurante La Portada del Mediodia com mesa reservada e cordeiro encomendado. Aproveitámos a viagem de uma hora a partir de nossa casa para visitar algum castelo nos arredores e fazer uma caça ao tesouro que encontrámos no Castelo de Turégano a uns vinte cinco minutos do restaurante. 
Por fora La Portada parece pequeno mas uma vez lá dentro é um mundo com várias salas de decoração rústica, vigas de madeira nos tectos e com um sotão muito agradável.

The plans for this weekend included a lunch with friends in Torrecaballeros at La Portada del Mediodia with reserved table and ordered lamb. We took advantage of the one hour trip from our home to visit a castle around this area and do a treasure hunt that we found in the Castle Turégano about twenty five minutes from the restaurant. 
From the outside La Portada looks small but once inside there is a world of several rooms with a rustic décor , wooden beams on the ceilings and a very nice loft.

Na zona o que mais se vê são restaurantes de “horno a leña” com especialidades como o cabrito, o cordeiro e o leitão. Enquanto esperávamos os nossos amigos pediram “picadillo de matanza” (de porco) com batatas e ovo e também um frango a “ajillo” com pimentos assados. Tudo óptimo. 
Depois veio o parto principal que era o cordeiro assado no forno, de excelente qualidade (e eu não sou a maior apreciadora de cordeiro). Não sei como mas alguns de nós ainda teve espaço para sobremesa, eu pedi um Vulcão de chocolate que infelizmente veio um pouco mais passado o que significa que ao abrir não saiu chocolate derretido e faltou algo que lhe cortasse o sabor intenso, talvez umas natas ou uma bola de gelado. Com o café vieram também uns bolinhos da região.

In the area you see that most restaurants are of “horno the leña” (wooden oven) with specialties like goat, lamb and suckling pig. While we waited our friends ordered the “picadillo de matanza” (pork) with potatoes and egg and also a chicken “ajillo” with roasted peppers. Everything was fine. 
Then came the main dish that was the roast lamb, excellent quality (and I’m not the biggest admirer of lamb). Do not know how but some of us still had room for dessert, I ordered a chocolate volcano which unfortunately came a little done which means that while opening it did not had the melted chocolate and missed something that would cut the intense flavor, maybe a cream or a scoop of ice cream. With coffee came cakes from the region.

No final a conta foi um pouco dolorosa, foi dos restaurantes mais caros onde comi e creio que foi responsabilidade nossa principalmente na parte das entradas que não eram baratas. O almoço começou ás três da tarde e só nos fomos embora ás seis. 
Ao sair reparámos nas imensas fotos de gente famosa que por ali passou, incluindo membros da familia real como o Rei Juan Carlos e o Principe Felipe.

In the end the bill was a bit painful, it was the most expensive restaurants where I ate and I believe it was our responsibility mostly on the starters that were not cheap. Lunch started at three in the afternoon and we only went out at six. 
Upon leaving we noticed the great amount of photos of famous people who passed through there, including members of the royal family as King Juan Carlos and Prince Felipe.


Website: http://www.laportadademediodia.com/
Morada: Calle San Nicolás de Bari 31, Torrecaballeros
Preço: 35-50€ por pessoa (depende das entradas, sobremesas e vinho)
Our guide of:
http://hojeconhecemos.blogspot.com.es/search/label/Segovia

Castelo de Turégano – Segóvia, Espanha

Não há nada de extraordinário ou diferente neste Inverno, chuva, vento, neve e frio são o que normalmente nos toca nesta temporada. Se há algo que o diferencia é o número de fins de semana onde estas quatro coisas se juntam e obrigam-nos a ficar em casa até que dizes: basta! Há já alguns tempos que vamos visitar Castelos e desta vez com o tema de uma Caça ao Tesouro para o mais pequeno conseguimos que ele largasse os jogos (como a Wii) para estar entusiasmado com uma actividade fora mesmo que a chuva, o frio e a neve fossem nossos companheiros de viagem. E desta vez não é que o tesouro estava escondido no Castelo de Turégano?

There is nothing extraordinary or different in this winter, rain, wind, snow and cold are what would normally be the weather in this season. If there is something that sets it apart is the number of weekends where these four things come together and force us to stay home until you say: enough! For some of them we have gone to visit castles and this time with the theme of a Treasure Hunt for the little one we could get him off the games (like the Wii) to be enthusiastic about an activity outside despite the fact that the rain, the cold and snow were our traveling companions. And who would have told that the treasure was hidden in Castle Turégano?

Continue a ler “Castelo de Turégano – Segóvia, Espanha”

Plaza Mayor – Segóvia, Espanha

É talvez a segunda praça mais interessante de Segóvia e digo isto porque Plaza de San Martin leva este prémio. Por outro lado, a Plaza Mayor é das mais agitadas da cidade com a Catedral como protagonista mas com outros edificios importantes como o do Ayuntamiento ou o do Teatro Juan Bravo construído em 1917.

It is perhaps the second most interesting square of Segovia and I say this because the Plaza San Martin takes the prize. On the other hand, the Plaza Mayor is one of the busiest in the city with the Cathedral as the protagonist but with other important buildings such as the Ayuntamiento or the Teatro Juan Bravo built in 1917.

Continue a ler “Plaza Mayor – Segóvia, Espanha”

Alcázar – Segóvia, Espanha

Vi este palácio fortificado várias vezes, a primeira á três anos mas nunca visitei o seu interior, além de que só agora estou a escrever sobre ele. Dois falhos graves dos quais apenas o último estou a corrigir agora. O primeiro nem consigo explicá-lo, cinco idas a Segóvia e em nenhuma encontrei uma oportunidade para entrar, o mais perto que estive foi em 2010 nesta primeira visita mas chegámos tarde e já tinham fechado, aproveitámos para ficar, apreciar o seu exterior e o pôr do sol que recomendo vivamente.
I saw this fortified palace several times, the first was three years ago but I never visited it’s interior, besides that I’m just now writing about it. Two serious flaws of which only the last I‘m correcting now. The first I can not even explain it, five trips to Segovia and nowhere found an opportunity to get in the closest I’ve been was in 2010 in this first visit but we arrived late and they had already closed, we stayed, enjoyed it’s outdoor and sunset which I highly recommend.

Continue a ler “Alcázar – Segóvia, Espanha”

Casa Duque – Segóvia, Espanha

Em Setembro tivémos visitas de familia e decidimos ir a Segóvia, o objectivo era para além de dar a conhecer a cidade, comer o famoso “cochinillo” (leitão), um “monumento” culinário quase tão importante para que a visita como o seu Alcázar. Depois de bater com o nariz em algumas portas acabámos no Duque que nos tinha sido recomendado por um policía que estava na Plaza Mayor.
Há uma verdadeira competição para ver quem tem o melhor cochinillo, eu comi em três sitios: Cândido (na Plaza del Azoguejo), José Maria (perto da Plaza Mayor) e agora na Casa Duque.
In September we had a family visit and decided to go to Segovia, the purpose besides getting to know the city, was to eat the famous cochinillo” (suckling pig), a culinary “monument” almost as important as the visit to it’s Alcázar. After hitting the nose on some doors we ended up at Casa Duque that we had been recommended by a policeman who was in the Plaza Mayor.
There is a real competition to see who has the best cochinillo, I ate at three sites: Candido (in Plaza del Azoguejo), José Maria (near the Plaza Mayor) and now the Casa Duque.

Continue a ler “Casa Duque – Segóvia, Espanha”

Aqueduto Romano – Segóvia, Espanha

4877094876_2ee15bd3e3_b
O que mais gosto de Segóvia é a variedade de monumentos que encontras sem ter que fazer grandes deslocações. Logo ao chegar o primeiro que vês é o Aqueduto e depois enquanto te metes nas ruelas do centro histórico chegas a pequenas praças castiças, á Catedral e andando um pouco mais ao Alcázar. E nada me faz esquecer o primeiro impacto de ver o imponente aqueduto, principalmente porque fomos depois de almoço em que o sol começa a dar-lhe uma tonalidade mais quente.
What I like most about Segovia is the variety of monuments that you can find without having to do extensive travel. Upon arrival the first thing you see is the aqueduct and then while you mind in the alleys of the historical center arrive to charming small squares, to the Cathedral and walking a bit more to the Alcázar. And nothing makes me forget the first impact of seeing the majestic aqueduct, mainly because we went there after lunch when the sun starts to give it a warmer tone.
Continue a ler “Aqueduto Romano – Segóvia, Espanha”

Bus Turistico – Segovia, Espanha

Últimamente os autocarros ou comboios turísticos parecem não estar conotados de forma positiva, talvez por serem como a palavra indica (demasiado) turísticos e porque hoje em dia já muita gente procura experiências mais autênticas. Eu ainda assim gosto desta forma, primeiro porque permite ver as principais atracções turísticas numa hora sem grande esforço e segundo, porque normalmente têm um audioguia que ajuda a entender um pouco melhor o que estamos a ver.
Lately tourist buses or trains don’t seem to be connoted positively, perhaps because they are as the word implies (too much for) tourist because nowadays many people looking for more authentic experiences. I still like it this way, first because it allows you to see the main attractions in a hour without great effort and second, because they usually have an audio guide that helps you understand a little better what we are seeing.

Continue a ler “Bus Turistico – Segovia, Espanha”

SEGÓVIA, ESPANHA

Hoje conhecemos…Segóvia.

A apenas uns 45 minutos de carro de Madrid, Segóvia é a capital da provincia com o mesmo nome que faz parte da comunidade de Castilla y Leon.

 


Entramos logo na primeira Plaza e vemos o Aqueduto, imponente e fabuloso. Subimos pelas escadas á direita em direcção á muralha e ao que costumam chamar “casco viejo”. Quanto mais subia mais gostava da vista e mais apreciava o aqueduto e a plaza de Azoguejo.


O caminho precede a Plaza Mayor tem algumas ruas de interesse, uma com bares e restaurantes convidativos.

Já na Plaza Mayor sentimos a sua imponência, ampla e espaçosa, dá lugar ao Ayuntamiento, a vários restaurantes, hóteis e ao fundo, a Catedral de Santa Maria. Tinha lido algures que foi a última catedral gótica que se construiu em Espanha e pelo o que percebi, foi construída com partes de outras catedrais que existiram antes que ou por guerra ou incidêncio se destruiram, o que se conseguiu salvar foi reaproveitado nesta Catedral.

 


Na rua da Catedral ainda encontrámos uma loja que se estivesse aberta tenho a certeza que lá gastaria uns euros, tinha umas pinturas muito engraçadas, sendo que uma delas era uma Mona Lisa um pouco mais gordinha.

Olhei para o quadro e identifiquei-me com ela…

Ansiosos por encontrar o Alcazar ainda de dia fomos percorrendo as ruas a um passo mais apressado, mas não resistimos a uma paragem para ouvir uma banda de rua: Duendes da Ciudad a quem contribuimos com 4€ em troca de um cd. Era música celta, banda sonora apropriada para o dia e local em questão.
Mesmo antes de conseguir ver o Alcazar, vimos logo a paisagem á volta, era de um verde impressionante e quando nos habituamos ao árido de Madrid, qualquer m2 de verde nos parece o paraíso. Cheguei a um miradouro de onde já podia avistar o Palácio e era deslumbrante…não admira que tenham declarado Patrimonio da Humanidade pela Unesco…parecia que estava na Baviera e não em Espanha, não sei explicar porquê mas realmente é fabuloso. Tirámos fotos e mais fotos, mas já não fomos a tempo de visitá-lo por fora, uma vez mais sentimos que oportunidades não vão faltar. Voltaremos aqui sem dúvida.
Tivémos ainda hipótese de ver o pôr-do-sol, acho que nunca tinha visto um tão vermelho como o que vi ali…foram ainda alguns minutos a contemplá-lo.

 

E se de dia Segóvia já tinha muitos encantos durante a noite é fenomenal. Com a iluminação junto ao Aqueduto e junto ao Alcazar, podemos tirar umas boas fotos. Além disso, como é Verão, as ruas estão cheias de gente e animação.

 

 

Queremos voltar a visitar a cidade, a “mi me encanta”!