Besullo – Astúrias, Espanha

É uma pitoresca aldeia em Cangas de Narcea que estava a vinte cinco minutos do Parador de Corias e que sempre recomendam visitar para conhecer a autêntica vida dos que vivem nas Astúrias. Para chegar, encontramos uma estrada com alguns caminhos mais sinuosos típicos de uma zona rural e aproveitámos cada minuto para sacar fotos aos animais que íamos vendo, ás pontes antigas, etc.. Entre os animais que mais vimos destacam-se as vacas, que tivémos a sorte de ver passar pela própria aldeia graças a uma simpática senhora que sabendo que é algo que as crianças gostam de ver avisaram as nossas de que ia acontecer.

It is a picturesque village in Cangas de Narcea which was twenty five minutes from the Parador de Corias and they always recommend visiting to know the authentic life of those who live in Asturias. To get there, we found a road with some more winding paths typical of a rural area and we took every minute to take photos of the animals we were seeing, the old bridges, etc. Among the animals that we saw most were the cows, which we had the good fortune to see them pass by the village thanks to a nice lady who knowing that it is something that the children like to see have warned ours of what was going to happen.

Continue a ler “Besullo – Astúrias, Espanha”

Parador Mosteiro de Corias – Espanha

É dificil pôr em palavras a experiência que foi “viver” quatro dias no Parador instalado no Mosteiro de Corias. Não conheço todos os Paradores de Espanha mas este conquistou-me e só tenho mesmo pena de que chegar até ele desde Madrid seja um caminho demasiado penoso para repetir mais vezes. Foi a primeira vez que estive num hotel onde pensei: “Quero viver aqui, não me quero ir embora!”. A localização, a tranquilidade, o facto de que podes aproveitá-lo mesmo quando chove, a piscina interior que os miúdos adoraram, as duas opções para comer: um restaurante mais especial e o bar para algo mais rápido e ligeiro. Recomendar é pouco, é quase de visita obrigatória.

It is difficult to put into words the experience that was “live” four days in the Parador installed in the Monastery of Corias. I do not know all the Paradors in Spain but this one has conquered me and I am only sorry that coming to it from Madrid is a way too painful to repeat more often. It was the first time I went to a hotel where I thought, “I want to live here, I do not want to leave!” The location, the tranquility, the fact that you can enjoy it even when it rains, the indoor pool that the kids loved, the two options to eat: a more special restaurant and the bar for something quicker and quicker. Recommend is little, it is almost a must visit.

Continue a ler “Parador Mosteiro de Corias – Espanha”

Ganaderia La Cuesta – Cudillero, Espanha

Outra das (excelentes) recomendações do nosso hotel foi a de visitar a Quinta do Sr. Amálio, conhecida como la Granja de la Cuesta. Uma excelente maneira de pôr as crianças (habituadas á vida da cidade) em contacto com a vida numa quinta mas das de verdade, com os cheiros (alguns maus) e a sujidade normal de um lugar que não está feito para as visitas mas para o dia a dia do trabalho com os animais. Vacas, galinhas, cavalos, póneis, coelhos e cabras há de tudo um pouco e os mais pequenos adoram lá estar.

Continue a ler “Ganaderia La Cuesta – Cudillero, Espanha”

Tierra Astur – Gijón, Astúrias

O Tierra Astur é uma sidraria que reúne na sua (enorme) carta todos os sabores das Astúrias. Aqui podes comer desde o tradicional cachopo, passando por umas verduras na brasa ou grandes pratos de marisco e uma novidade local que são as tortas ou tortos ou ainda rapas. O de Gijón é bastante grande e quando fomos estava quase cheio, ainda assim conseguimos mesa num desses grandes barris (de sidra) partilhando com outra familia de turistas.

The Tierra Astur is a cider house that gathers in its (huge) menu all the flavors of Asturias. Here you can eat from the traditional cachopo, through grilled vegetables or great seafood dishes and a local novelty that are pies (tortas or tortos) or even “rapas”. The one in Gijón is quite big and when we went it was almost full, we still got a table in one of those big barrels (of cider) sharing with another family of tourists.

Continue a ler “Tierra Astur – Gijón, Astúrias”

Heladeria Regma – Gijón, Espanha

Sedentos por um gelado fomos caminhando junto ao mar quando vimos do outro lado da estrada a placa de Regma heladería e uma fila fácil de digerir. Espreitámos e decidimos experimentar os seus gelados com uma história desde 1933 e reza a mesma que o nome surge das duas filhas do proprietário, Regina e Margarita. Uma homenagem que ficará para sempre. Os sabores são simples sem grandes inventos: morango, café, baunilha, chocolate, limão, avelã entre outros.

Thirsty for an ice cream we were walking by the sea when we saw across the road the plate of Regma heladería and an easy to digest row. We stumbled and decided to try their ice cream with a story since 1933 and pray the same as the name comes from the two daughters of the owner, Regina and Margarita. A homage that will last forever. The flavors are simple without great inventions: strawberry, coffee, vanilla, chocolate, lemon, hazelnut among others.

Continue a ler “Heladeria Regma – Gijón, Espanha”

Playa de Poniente – Gijón, Espanha

Localizada na zona de Fomento, esta praia não existia até á década de noventa em que os planos de reabilitação da zona maritima de Gijón começaram. Está na zona oeste do centro da cidade e é uma das mais concorridas também porque é de fácil acesso para os que aqui vivem e visitam. Do lado esquerdo está o Aquário de Gijón e do lado direito o porto recreativo, um centro de bem estar e podemos também ver a parte de Cimadevilla.

Located in the zone of Fomento, this beach did not exist until the nineties when the rehabilitation plans of the marine area of Gijón began. It is in the west zone of the center of the city and is one of the most popular also because it is easily accessible for those who live and visit it. On the left side is the Aquarium of Gijón and on the right side the recreational port, a wellness center and we can also see the part of Cimadevilla.

Continue a ler “Playa de Poniente – Gijón, Espanha”

Aquário de Gijón – Espanha

Passámos os últimos dias das nossas férias de Verão em familia nas Asturias, com três filhos (um de eles bébé) e sem muita vontade de fazer praia matámos a cabeça para organizar actividades interessantes para eles. Inicialmente tínhamos descartado o Aquário de Gijón mas voltámos a incluir uma das principais atracções porque conta com espécies da região o que o torna a sua visita diferente de outros que já tínhamos visitado como o de Lisboa e o de Valência. Está demonstrado que eles gostam sempre ver os tubarões, as lontras e as raias, as tartarugas gigantes e os cardumes de mil peixes de mil cores que por ali se vêm.

We spent the last days of our summer holidays as a family in Asturias, with three children (one of them baby) and without much desire to go to the beach we were stretching our heads to organize activities interesting for them. Initially we had discarded the Aquarium of Gijón but we returned to include one of its main attractions because it counts on species of the region which makes its visit different from others that we had already visited like the one of Lisbon and the one of Valencia. It is shown that they always like to see the sharks, the otters and the rays, the giant turtles and the shoals of a thousand fish of a thousand colors that you can see there.

Continue a ler “Aquário de Gijón – Espanha”

La Playa – Luanco, Espanha

Este lugar muito “instagramável” (será que se pode dizer isto?) chamou-me a atenção pela sua decoração e vista para a praia, ás vezes quando estás de férias e no meio de tanta taberna típica apetece-te um toque mais moderno, algo diferente e foi o que me fez levar a familia a comer no La Playa. A carta é interessante, destacam-se os produtos locais entre mariscos e peixe mas os preços são, a meu ver, para a zona muito caros e o serviço um pouco lento.

This place is very “instagrammable” (can one say this?) I was struck by its decoration and view of the beach, sometimes when you are on vacation and in the middle of so much typical places you fancy a more modern touch, something different and it was what made me take family to eat at La Playa. The menu is interesting, stand out the local products between clams and fish but the prices are, in my view, very expensive for the area and the service a bit slow.

Continue a ler “La Playa – Luanco, Espanha”

Praia de Luanco – Gozón, Espanha

Até chegar a Luanco todas as praias que tínhamos visto nas Astúrias ou eram de difícil acesso ou nem tinham areal e de repente senti arrependimento de não ter trazido o fato de banho. Estava calor para o que já nos tinha habituada a região e a praia estava composta. E tem tudo o que deve ter, os seus bares, o seu salva-vidas, desportos náuticos e como pano de fundo, uma bonita igreja e todo ese verde que abunda por aqui.

Continue a ler “Praia de Luanco – Gozón, Espanha”

Cabo de Peñas – Gozón, Espanha

Segundo dia nas Astúrias e saímos do concelho de Cudillero para ir a Gozón visitar o Cabo de Peñas e o seu farol. O ponto mais a Norte do Principado é considerado paisagem protegido (e ainda bem) porque é tal como o Cabo Vidio, algo que merece sem dúvida que se preserve. Aqui não vês praias com areia, só acantilados e rochas que se vão revelando consoante a maré, as vistas são magnificas.

Second day in Asturias and we leave the county of Cudillero to go to Gozón to visit the Cape of Peñas and its lighthouse. The most northern point of the Principality is considered protected landscape (and still good) because it is like the Cabo Vidio, something that undoubtedly deserves to be preserved. Here you do not see beaches with sand, only cliffs and rocks that are revealed according to the tide, the views are magnificent.

Continue a ler “Cabo de Peñas – Gozón, Espanha”