LA AZOTEA SANTA CRUZ – SEVILHA, ESPANHA

Passámos um dia fantástico a passear por Sevilha onde comemos “de maravilha” principalmente porque fomos ao La Azotea na zona de Santa Cruz. Fica na Calle Mateos Gago, uma das mais interessantes a nível gastronómico com várias opções mas escolhemos este sitio porque já tinha visto boas recomendações no mundo online. A sua carta á base de tapas de autor, pratos típicos da região com produtos de qualidade e algum outro toque inovador são a chave do seu sucesso.
We spent a fantastic day out in Seville where we ate “de maravilhamainly because we went to La Azotea in the Santa Cruz. It is on Calle Mateos Gago, one of the most interesting at a gastronomic level with several options but we decided to go to this place because I had seen good recommendations in the online world. It’s menu is of author tapas, typical dishes of the region with quality products and some other innovative touches that are the key to your success.

Começamos por um clássico andaluz: o Salmorejo, suave e cremoso, com um sabor incrível e acompanhado de uns bons pedaços de presunto. Parece um prato básico mas quando está bem feito fica na tua memória para sempre, este ficou. Continuámos com outro clássico, as “croquetas” que acompanhavam com um doce de tomate que realçava o seu sabor.
Tínhamos ido na Sevilla Tapas Week e não podíamos deixar de provar a proposta de La Azotea, um choco confitado com mayonese de Kimchi e “suquet de bogavante”, uma excelente combinação de sabores de várias regiões já que o Kimchi é de origem coreana e o Suquet é um caldo típico da Catalunha.
Voltámos aos clássicos com um “Pulpo a la Feira”, um prato galego com o polvo como protagonista, com sal e pimentão doce sobre uma cama de parmentier (puré de batata). Por último provámos a “Carrillada Ibérica”, uma tenra e saborosa carne de vaca guisada com vinho tinto e com queijo de cabra gratinado. Não houve espaço para sobremesa e saímos satisfeitos de um almoço que rondou os 15€ por pessoa.
We begin with a classic from Andaluzia: the Salmorejo, smooth and creamy, with an amazing taste and accompanied by good pieces of “jamon” (ham). It seems a basic dish but when it is done well it stays in your memory forever, this was. We continued with another classic, the croquetas” that accompanied with sweet tomato that emphasized its flavor.
We had gone in Sevilla Tapas Week and we could not fail to prove the proposed tapa by La Azotea a cuttlefish confit with mayonese of Kimchi and “suquet of bogavante“, an excellent combination of flavors from various regions since the Kimchi is of Korean origin and the Suquet is a typical broth of Catalonia.
We went back to the classics with a Pulpo a la Feria“, a Galician dish with octopus as the protagonist, with salt and paprika over a parmentier bed (mashed potatoes). Finally we tasted the Iberian Carrillada,” a tender and tasty meat stewed with red wine and goat cheese gratin. There was no room for dessert and we left satisfied in a lunch which was around € 15 per person.
Morada: Calle Mateos Gago 8 (muito perto da Giralda e da Praça Virgen de los Reyes)

Our guide of:
http://hojeconhecemos.blogspot.com.es/2001/11/guia-de-sevilha.html

 
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s