FRANKENWERFT – COLÓNIA, ALEMANHA

Estávamos práticamente a sair de Colónia, caminhávamos até ao nosso parque de estacionamento quando a ponte Hohenzollern iluminada sobre o rio Reno nos chamou a atenção. Fomos até á margem do rio, zona a que chamam de Frankenwerft e aqui descobrimos uma das partes antigas da cidade (ainda que reconstruída depois da Segunda Guerra Mundial).
 
We were leaving Cologne, walking towards the parking when the illuminated Honezollern brigde over the Rhine River caught our attention. We went to the bank of the river, the area they call Frankenwerft and here we find one of the old parts of the city (albeit rebuilt after the Second World War).

Continue a ler “FRANKENWERFT – COLÓNIA, ALEMANHA”

Hohe Strasse e Shildergasse – Colónia, Alemanha

A Hohe strasse e a Shildergasse são duas conhecidas ruas de compras desta cidade alemã. Começámos o nosso trajecto tendo a Catedral nas nossas costas e a Hohe strasse começa a partir da Wallrafpratz onde comemos no Campi Im Funkhaus, um restaurante com menú italiano.
Começámos a percorrer a agitada rua de compras e chegava a ser complicado andar com o mar de gente que se apresentava á nossa frente. A rua é pedestre e não é muito larga, de um lado e do outro, lojas de várias marcas internacionais estavam cheias de clientes, é aqui que percebemos porque é que a economia alemã continua uma das mais saudáveis (se é que há alguma), o primeiro sinal de crise são as lojas vazias.
The Hohe strasse and the Shildergasse are two famous shopping streets in Cologne. We started our walk through them leaving the Cathedral behind us and the Hohe strasse starts in Wallrafpratz where we had lunch in Campi Im Funkhaus, a restaurant with an italian menu.
We started to walk this busy shopping street and it was getting complicated to do it with all that people that was ahead of us. It’s a pedestrian street and it’s not very wide, flanked by stores from international brands that were crowded, it’s here that you see that german economy is still one of the healthiest (if there is one), the first sign of crisis would be empty stores.

Continue a ler “Hohe Strasse e Shildergasse – Colónia, Alemanha”

do: CATEDRAL DE S.PEDRO E MARIA – COLÓNIA, ALEMANHA

Já podemos dizer que conhecemos duas das catedrais mais altas da Europa, a primeira foi em Estrasburgo e a segunda que destronou a outra, foi a que visitámos em Colónia em Dezembro do ano passado.
Tivémos pena que chegámos no final dos mercados de Natal que são justamente numa praça na lateral da catedral. A entrada é gratuita.
 
We can now say we have visited two of the highest cathedrals in Europa, the first one in Strasbourg and the second that dethroned the previous, was the one we visited in Cologne this last December.
It was a pity that we arrived in the end of the Christmas market that is held in the square next to the cathedral. The entrance is free.

 
A sua fachada com torres de 157 metros de altura são um autêntico desafio, por mais que me afastasse nunca conseguia apanhar toda e a única forma foi entrar na praça da estação de metro. (Foto nocturna)
Figura na lista do World Heritage da UNESCO e foi uma grande sobrevivente da Segunda Guerra Mundial, quando a cidade ficou devastada e a Catedral se manteve de pé.
Os grandes vitrais no seu interior, trazem-lhe luz e cor, juntamente com as decorações de Natal davam um ambiente mais acolhedor á Catedral. Tanto por fora como por dentro achámo-la um pouco cinzenta mas é certo que guarda importantes tesouros que realçam a sua importância, como o relicário de ouro que se acredita ter os restos mortais dos Três Reis Magos.
Numa das capelas laterais estava uma peça de altar referente aos Três Reis feita por Stephan Lochner e que data do século XV. Um dos aspectos curiosos é que a Catedral foi originalmente construída no século XIII, já com o seu estilo gótico mas só no século XIX decidem completá-la adicionando á sua fachada as duas imponentes torres.
 
It’s façade with towers of 157 meters high are a real challenge, I tried to get farther away as possible to get a great shot and the only way was to go to the end of the metro station’s square.
It’s in the World Heritage List of UNESCO and was a great survivor of the World War II when the city was destroyed and the Cathedral remained standing.
The large stained glass inside brings light and color, along with the Christmas decorations gave a more welcoming environment to the Cathedral. Both outside and inside we felt it was a bit gray but it is certain that it keeps inside important tresures that highlight it’s importance, like the golden shrine believed to have the remains of the Three Kings.
In one of the chapels was a piece of altar made ​​regarding the Three Kings by Stephan Lochner, dating from the fifteenth century. One of the curious aspects is that the Cathedral was originally built in the thirteenth century, now with its Gothic style but only in the nineteenth century decided to complete it by adding it to its façade two imposing towers.
 
 
 
 

 

Mais/More Posts: