Parque Eduardo VII – Lisboa, Portugal

Ao visitar o Parque Eduardo VII não pude evitar aquele sentimento de emigrante de orgulho tirando fotos a todos os detalhes e muitas á bandeira. É a típica situação de que quando deixas de viver naquela que era a tua cidade começas a valorizar lugares que nem nunca foram dos teus preferidos e este parque é um deles. Na realidade, passava por ele sem nunca lhe dar grande importância, sem nunca aproveitar a vista singular que tem sobre a cidade de Lisboa e a Margem Sul.
While visiting the Parque Eduardo VII I could not avoid that emigrant feeling of pride taking pictures of all the details and a lot to the flag. It is the typical situation when you stop living in what was your town you begin to appreciate places that never were your favorites and this park is one of them. In fact,I passed through it many times without ever giving it great importance, never enjoying the unique views it has over the city of Lisbon and South side.

Vale a pena por isso, não posso dizer que seja um parque com muitos atractivos mas é verdade que tem tudo o que é suposto ter: uma zona infantil, uma zona de relvado, cafés com esplanadas, sombras e ainda tem a Estufa Fria. Talvez lhe falte mais vida de parque e menos de zona de passagem.
Construído no inicio do século XX para celebrar as boas relações com o Reino Unido após a visita do Rei Eduardo VII, seria uma extensão da Avenida da Liberdade e acabou por se transformar num parque.
Há três zonas que para mim parecem ser as mais interessantes, uma é a das estufas com os seus lagos e variedade de vegetação, a outra é o Pavilhão Carlos Lopes e os azulejos nas suas fachadas e depois a zona do miradouro pela excelente vista que proporciona.
I worth because of that I can not say it is a park with many attractions but it is true that it has everything that is supposed to have: a playground, an area of ​​lawn, outdoor cafés, shadows and still have the Greenhouse. Maybe it misses more the usual life park and less the passing area.
Built in the early twentieth century to celebrate the good relations with the UK following the visit of King Edward VII, it would be an extension of Avenida da Liberdade and eventually became a park.
There are three areas that seem to me to be the most interesting: one is the greenhouse with its lakes and variety of vegetation, the other is Carlos Lopes Pavilion and the tiles in it’s facades and then the gazebo area by providing excellent view over the city .

 

 

 

 
Pavilhão Carlos Lopes

+ Guia de Lisboa

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s