Miradouro Santa Luzia – Lisboa, Portugal

6144657563_83e0feff3c_b
Há qualquer coisa de cinematográfico neste miradouro, só de entrar já sentimos algo de especial que é dificil de explicar. A vista é assombrosa, é espectacular, mas provavelmente há melhores em Lisboa e nem isso importa.
É impactante quando vemos os edificios coloridos sobre um imenso céu azul e o rio ali perto. É daquelas imagens que nunca se esquece e para o caso de duvidarmos da nossa memória, tira-se uma foto, duas, várias, centenas… 
There is something cinematic about this viewpoint, just going in you already feel something special that is hard to explain. The view is amazing, is spectacular, but there are probably better at Lisbon and not even that matters.
It’s amazing when we see the colorful buildings on a vast blue sky and the river nearby. It is those images that one never forgets and in case of doubt your memory, you take a photo, two, several, hundreds…

Vemos o Panteão e a Igreja de Santo Estevão que nem sabia muito bem onde ficava mas que sempre me lembrava de um fado popularucho que costumava ouvir cantar. Lisboa é uma cidade única e o Miradouro de Santa Luzia é mais uma prova. A paisagem inspira artistas, fotografos, visitantes, habitantes. Como se fosse um carregador onde entramos e saímos com a carga completa. Se todos os dias passasse por aqui para ir trabalhar encararia o resto do dia com outro ânimo. Ali perto uma estátua do Júlio de Castilho, a olhar para o rio ainda que de uma posição mais afastada, menos priveligiada eu diria. A placa diz “historiador de Lisboa antiga” e foi sobre ela que escreveu ao longo da vida. De saída do miradouro encontrámos um painel de azulejos representando o Terreiro do Paço antes do terramoto.

We see the Pantheon and the Church of St. Estevão did not even know very well where it was but it always reminded me of a popular fado I used to hear. Lisbon is a unique city and Santa Luzia Belvedere is further proof of itThe landscape inspires artists, photographers, visitors and residents. Like a charger where we go in and come out with a full load. If would pass here to go to work I would face the rest of the day with another joy.  Nearby is a statue of Júlio de Castilho, looking at the river although at a distant, less privileged I’d say. The sign says historian of ancient Lisbonand it was about it that he wrote all is life.  Leaving the viewpoint we found a tile panel depicting the Terreiro do Paço before the earthquake.

 

Morada: Largo Santa Luzia

Metro: Terreiro do Paço

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s