do: BÖTTCHERSTRASSE – BREMEN, ALEMANHA

Quando visitei Bremen pela primeira vez procurei esta rua e não a consegui encontrar. Foi de facto estranho uma vez que ficava na parte de trás do hotel onde estava hospedada mas como ia com mais gente que além disso estava ansiosa para ver os Músicos acabei por desistir da ideia de visitar a rua que aparece em primeiro lugar no Lonely Planet quando pesquisas os locais de interesse da cidade.
 
When I visited Bremen for the first time I looked for this street and could not find it. It was indeed strange as it was at the back of the hotel where I was staying but I was with people who were more eager to see the musicians than this so I gave up the idea of visiting the street that appears first in the Lonely Planet when you search for the sights of the city.

 
Mas á segunda foi de vez e consegui dar um passeio pela rua durante uma trégua que o mau tempo nos deu nesta última visita a Bremen. A Bottcherstrasse apesar do seu aspecto quase medieval foi na realidade construída no século XX. Foi o empresário Ludwig Roselius que encargou ao arquitecto Bernhard Hoetger criar uma rua que fosse um símbolo do país.
Na realidade visitar esta rua pode provocar uma mistura de sentimentos, se por um lado não deixa de ter o seu interesse por ser algo único na cidade por outro lado foi construída por um homem que partilhava dos mesmos ideais de Adolf Hitler (diz-se que a imagem dourada da entrada está dedicada a ele: “The Bringer of Light”) e todos sabemos como é que essa história acabou.
Ainda assim a Bottcherstrasse tenta ser alheia a tudo isso, tem algumas lojas interessantes e bares com esplanada para além de interessantes edificios como o Paula-Becker-Modersohn-Haus que é o primeiro museu dedicado a uma artista alemã e o Haus Atlantis.
 
But in this second time I was able to take a walk down the street during a truce that the bad weather gave us this last visit to Bremen. The Böttcherstrasse despite its almost medieval look was actually built in the twentieth century. Ludwig Roselius was the entrepreneur who ordered the architect Bernhard Hoetger to create a street that was a symbol of the country.
Indeed visiting this street can cause some mixed feelings, on one hand it is very interesting and something unique in the city on the other side it was built by a man who shared the same ideals of Adolf Hitler (it is said that the golden image of the entrance is dedicated to him: “The Bringer of Light”) and we all know how that story ended.
Still Böttcherstrasse tries to be oblivious to all this, it has some interesting shops and bars with outdoor seating in addition to interesting buildings such as Paula Modersohn-Becker-Haus, which is the first museum dedicated to a German artist and the Haus Atlantis.
 
 
 
 
 
 

Our guide of:
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s