Velódromo – Barcelona, Espanha

Tinha estado uma vez antes no El Velódromo mas já tinha jantado e ficou a curiosidade de comer aqui, que mais me fascinou quando entrei foi a sua decoração, a sua estética Art Deco como se fosse uma viagem ao passado, dizem que foi um clássico de Barcelona e um ponto de encontro para pessoas que marcaram a história desde que nasceu em 1933. Com a gestão a cargo de Moritz (a marca de cervejas), a sua carta é de tapas e funcionada das 6h até ás 3h da madrugada.

I had been to El Velódromo once before but had already dined when arrived and was curious to eat here, which fascinated me the most when I entered it was its decor, its Art Deco aesthetic as if it were a trip to the past, say it was a classic of Barcelona and a meeting point for people who have marked the history since it was born in 1933. With the management in charge of Moritz (the brand of beers), its menu is made of tapas and runs from 6am to 3am in the morning.

33645851411_ac808bef91_h

Chegámos relativamente cedo mas já estava cheio, enquanto esperávamos por uma mesa sentaram-nos ao balcão onde pedimos as primeiras cervejas da noite acompanhadas por uma tigelinha de azeitonas. Já na mesa começámos a pedir algumas tapas para partilhar, as primeiras foram umas batatas bravas (que não picavam muito) e uma ensaladilla russa. Outro dos clássicos da casa são os “bikinis” que conhecemos por tostas mistas…decidimos pedir a Bolonha que vinha com salame e tapenade. Mas a estrela da noite foi a sandes de pastrami, tínhamos saudades de comer uma (a última tinha sido em Nova Iorque), vinha bem condimentada e recheada. No final pagámos 37€ pelos dois, a grande culpa foi das bebidas porque as tapas em si não são caras, a mais cara foi o Pastrami que custou 9€.

We arrived relatively early but it was already full, while we waited for a table they sat us at the bar where we ordered the first beers of the evening accompanied by a bowl of olives. Already at the table we started to order some tapas to share, the first ones were patatas bravas (that did not sting much) and a Russian salad. Another of the classics of the house are the “bikinis” that we know for mixed toasties … we decided to ask for Bologna that came with salami and tapenade. But the star of the night was the pastrami sandwich, we had missed eating one (the last one had been in New York), it was well seasoned and stuffed. In the end we paid € 37 for both, the big fault was the drinks because the tapas themselves are not expensive, the most expensive was the Pastrami which cost € 9.

Website: http://moritz.com/en

Morada: Carrer de Muntaner 213

Metro: Diagonal

 

+ Guia de Barcelona

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s