Santorini – Grécia

23304141_3d82af80c8_o
Saímos de Creta para visitar Santorini, onde acabámos por confirmar: ter feito o cruzeiro foi um erro. Tínhamos três horas para conhecer a ilha, sendo que para subir com as filas que estavam íamos demorar 1 hora e para descer outro tanto. Resultado: 1 hora para explorar a conhecida e bela Santorini. Deu para comprar um “bouzouki”, passear na parte mais alta da ilha para apreciar as vistas e pouco mais, o resto do tempo foi gasto num “desperdicio” chamado: fila de espera para o teleférico.
We left Crete to visit Santorini, where we finally confirmed it: doing the cruise was a mistake. We had three hours to see the island, and go come up with the queues that were there it would take 1 hour to descend as much. Result: 1 hour to explore the famous and beautiful Santorini. There was enough time to buy a “bouzouki”, stroll on the highest part of the island to enjoy the sights and not much else, the rest of the time was spent on a “waste” called: queue for the chairlift.

Mas uma hora que seja em Santorini vale dois anos de massagens revitalizantes, só a vista é espectacular. Imagino o que será viver ali e abrir a janela todos os dias para contemplar o que quase todos sonham fazer nem que seja…por uma hora! Cada cantinho parecia especial, cada casinha, cada restaurante, cada ruela…nem consigo explicar bem mas estar em Santorini foi único. Até que chegou o teleférico e aquela realidade voltou ao sonho outra vez. Por falar nisso, há outras formas de subir, há os autocarros que fazem uma fila interminável no zig zag que é a estrada que sobe a montanha e depois há os burros, que pessoalmente, não achei grande piada…eles sobem uns bons lanços de escadas com o peso de uma pessoa ás costas…não sou fã, sei que é típico mas enfim…
But an hour in Santorini is worth two years of revitalizing massages, only the view is spectacular. I wonder how it feels to live there and open the window every day to contemplate what almost everyone dreams to do … even if it’s for an hour! Every corner seemed special, every house, every restaurant, every alley … I can not even explain it well but being in Santorini was unique. Until we reached the cable car and that reality went back to being a dream. By the way, there are other ways to climb, there are buses that do an endless zig zag line that is the road that goes up the mountain and then there are the donkeys, who personally I wasn’t fond of … they climb some good hauls of stairs to the weight of a person on his back … I’m not a fan, I know that is typical but anyway…
 
 
 
Adeus Santorini, quero voltar…

Goodbye Santorini, I want to comeback…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s